Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




15/12/2016

Seja sindicalizado

Quando as indústrias estão associadas, elas têm mais força e poder de mobilização. Os sindicatos que são associados à Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) levam às indústrias de suas bases uma série de benefícios que fortalecem a representatividade do setor industrial. Confira 4 razões para ser sindicalizado.

1.Treinamento

Capacitações gratuitas e abertas aos empresários beneficiaram mais de 4 mil participantes, em 85 iniciativas nos mais diversos temas, totalizando 516 horas de atividades com temas voltados à realidade empresarial, por meio do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA). As ações ocorreram ao longo do ano, em todas as regiões, e contaram com o apoio de 95 sindicatos filiados.

Saiba mais sobre os Cursos e Eventos na Agenda.

2. Defesa de interesses

Um dos pilares da Fiep, a atuação na defesa de interesses de 50 mil estabelecimentos industriais ocorre permanentemente. Seja na esfera política, com a campanha "É hora de transformar o Brasil", visando o impeachment, ou promovendo a consciência eleitoral por meio do movimento apartidário "Vote Bem" e o "Fórum Transparência e Competitividade".

A atuação também ocorre em situações que impactam diretamente a competitividade da indústria paranaense. É o caso do posicionamento contrário da renovação das concessões dos pedágios no atual modelo de contrato, o ingresso de ações na Justiça contra o bloqueio de rodovias ou na alteração da poligonal dos Portos de Paranaguá e Antonina, uma importante conquista para todo o setor produtivo.

 

Na questão tributária, o diálogo com o Executivo foi fundamental para a proposta de renegociação do ICMS para combustível da aviação com o objetivo de evitar a redução de investimentos e competitividade para as indústrias do interior do estado. A decisão ocorreu depois que companhias aéreas anunciaram a suspensão de voos para cidades-polo.

O mesmo aconteceu na proposta de reajuste de impostos do Executivo, quando a federação atuou diretamente para que projeto de lei encaminhado à Assembleia Legislativa fosse revisto, de forma a não impactar o setor produtivo, chegando ao acordo.

3. Soluções para promover seus negócios

Para incentivar as indústrias a produzirem mais com menos recursos, os associados aos sindicatos ligados à Fiep podem participar de editais que oferecem consultoria nas áreas de manufatura enxuta, redução de custos, eficiência energética, gestão financeira e de produção.

Os editais de apoio à competitividade são responsáveis por reduzir a movimentação no chão de fábrica em até 75% e aumentar a produtividade em até 46%. Em 2016, três deles beneficiaram 117 indústrias e, em 2017, serão mais 100 contempladas em outros cinco editais para diferentes setores industriais.

A Seven Têxtil de Cascavel, indústria de confecções, participou do edital de manufatura enxuta em 2016 e conseguiu aumento de 27% na produção diária, redução de 46% do tempo de execução de um produto e 80% de redução no desperdício no corte das peças.

O edital prevê consultorias e intervenções rápidas e de baixo custo para obter ganhos expressivos de produtividade por meio de técnicas de manufatura enxuta. Além disso, gera um salto de produtividade da indústria e promove a cultura da melhoria contínua.

Acesse os editais

4. Apoio para exportar

Empresas que desejam entrar no mercado internacional recebem consultorias e podem se capacitar por meio do Centro Internacional de Negócios do Paraná (CIN-PR) da Fiep.

Em 2016, o CIN-PR levou empresários para 10 países, de três continentes, gerando novos acordos e projeções de negócios.

Além disso, há soluções como missões, encontros de negócios, estudos de mercado e pesquisas que preparam o industrial para inserir o seu produto em novos mercados.

Saiba mais sobre o trabalho do CIN