Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




12/04/2012

Perguntas Frequentes

Confira a seguir as perguntas mais comuns sobre as linhas de crédito do BNDES.

O que o pode ser financiado pelo BNDES?

  • Projetos de investimento: implantação, expansão, modernização, ampliação e recuperação da empresa. Exemplos: construção de barracão, ampliação física da empresa;
  • Máquinas e equipamentos: máquinas e equipamentos novos, de fabricação nacional e credenciados pelo BNDES (código Finame). Exemplos: veículos de vários portes (motocicletas, vans, ônibus, caminhões), máquinas injetoras, motores;
  • Capital de giro: apenas de maneira associada a algum investimento ou para setores específicos da indústria. Exemplos: indústria de transformação, extração de minerais metálicos.

O que não pode ser financiado pelo BNDES?
O BNDES não financia Capital de Giro de forma isolada, apenas associado a algum investimento. Algumas linhas de financiamento do BNDES disponibilizam um percentual em Capital de Giro.

  • Setores não apoiáveis:
    -Comércio de armas;
    -Motéis, saunas e termas;
    -Jogos de prognósticos e assemelhados.
    -Atividade bancária/financeira, ressalvado o apoio ao microcrédito.
  •  Empreendimentos NÃO apoiáveis
    -Empreendimentos imobiliários, como edificações residenciais, edificações comerciais destinadas à revenda, empreendimentos comerciais destinados a aluguéis de escritórios, time-sharing, hotel-residência e loteamento;
    -Empreendimentos do setor de mineração que incorporem processo de lavra rudimentar ou garimpo;
    -Ações e projetos sociais contemplados com incentivos fiscais.
  • Itens NÃO apoiáveis
    -Aquisição de terrenos e desapropriações;
    -Compra de ponto comercial ou empresa;
    -Custeio e gastos com manutenção corrente, exceto no caso de operações de subscrição de valores mobiliários;
    -Transferência de ativos, exceto em casos especiais de projetos de reativação de atividades produtivas e em operações de subscrição de valores mobiliários;
    -Aquisição de software produzido no exterior, exceto adaptações (customização) realizadas no País ou quando associado a projetos de desenvolvimento tecnológico e inovação;
    -Quaisquer despesas que impliquem remessa de divisas, incluindo taxa de franquia paga no exterior;
    -Aquisição de animais para revenda;
    -Aquisição de bens importados, exceto máquinas e equipamentos sem similar nacional;
    -Despesas de internalização de bens importados, exceto para máquinas e equipamentos sem similar nacional.

Quem pode obter financiamento no BNDES?

  • Pessoa Jurídica: que esteja em dia com obrigações fiscais, tributárias e sociais, apresentar cadastro satisfatório, ter capacidade de pagamento, dispor de garantias suficientes para cobertura do risco da operação, não estar em regime de recuperação de crédito e cumprir a legislação ambiental.
  • Empresário individual: desde que exerça atividade produtiva e que esteja inscrito no Registro Público de Empresas Mercantis e no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas - CNPJ.
  • Pessoas físicas: exclusivo para produtores rurais, transportadores autônomos de carga e microempreendedores.

O BNDES possui alguma linha de financiamento para iniciar uma empresa?
Não. As linhas do BNDES visam aumentar a capacidade produtiva de empreendimentos que já estão em atividade.


É necessário ter quanto tempo mínimo de empresa para poder solicitar financiamento do BNDES?
O BNDES trabalha em parceria com agentes financeiros para os financiamentos indiretos, já que não possui agências. Fica a critério destes agentes financeiros a necessidade de um tempo mínimo de empresa.


Como são realizados os financiamentos com recursos do BNDES?
As operações do BNDES se dividem em:

  • Indiretas:
    Para operações indiretas, o interessado deve se dirigir à instituição financeira credenciada de sua preferência. A instituição informará qual a documentação necessária, analisará a possibilidade de concessão do crédito e negociará as garantias. Após aprovação pela instituição, a operação será encaminhada para homologação e posterior liberação dos recursos pelo BNDES.
  • Diretas: projetos de investimento em que o valor do financiamento seja, no mínimo, de R$ 10 milhões. As solicitações de apoio no âmbito do BNDES Finem (financiamento direto) são encaminhadas por meio de Carta-Consulta - preenchida segundo as orientações do Roteiro de Informações para Consulta Prévia - enviada pela empresa interessada, ou quando for o caso, por intermédio da instituição financeira credenciada de sua preferência, ao: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES Área de Planejamento-AP Departamento de Prioridades-DEPRI Av. República do Chile, 100 - Protocolo - Térreo 20031-917 Rio de Janeiro, RJ

Como solicitar o financiamento do BNDES?
Quando valor do investimento financiado é inferior a 10 milhões de reais a solicitação deve ser feita através de uma instituição financeira.

  • 1º passo
    -Dirigir-se à instituição financeira credenciada de sua preferência.
  • 2º passo
    -Apresentação da documentação necessária;
    -Análise da possibilidade de concessão do crédito;
    -Negociação das garantias;
    -Aprovação da operação.
  • 3º passo
    -Homologação da operação;
    -Liberação dos recursos.


Fiep   Federação das Indústrias do Estado do Paraná   Direitos Reservados
Av. Cândido de Abreu, 200   Centro Cívico   80530-902   Curitiba   PR