topo logo
Topo

APRENDA AQUI COMO PREPARAR CHIMARRÃO

1) Realizar uma higiene completa (com água fervida) na Cuia e na Bomba e após enxugá-las bem, a Cuia pode ficar emborcada até secar.

 

2) Ponha-se uma quantidade de Erva-Mate na Cuia, mais ou menos uns dois terços da capacidade da mesma.

 

3) Ajeitar a Erva de um lado da Cuia, protegendo com uma das mão abertas sobre a boca do porongo para que não caia fora a Erva pois a Cuia deve ficar em posição inclinada. Pode-se utilizar a própria Bomba para acomodar a Erva. Deixar acumular um maior volume de Erva, o barranquinho do lado desejado, de preferência à esquerda deixando o espaço vazio à direita, espaço esse desde a borda até o fundo.

 

4) Continuar apoiando o topete, o barranquinho, com a mão e despejar vagarosamente um um pouco de água morna ou fria no espaço entre a Erva e a lateral da Cuia. (nunca se usa água muito quente para começar, pois ela queima a Erva, ocasionando um gosto muito amargo e logo logo deixa o mate lavado.
Após colocada a água até a metade mais ou menos continue apoiando bem a Erva e inclina-se em horizontal a Cuia até que a água chegue a borda do barranquinho, então parasse um movimento nesta posição, com este processo a Erva firma-se em sentido vertical, como se fosse cimento na parede.

 

5) Deixe a Cuia recostada por alguns instantes, por meia dúzia de minutos mais ou menos, até que a Erva inche.

 

6) Após coloque a Bomba ao fundo, tapando o bico da mesma com o dedo polegar e absorva o pouco de água que ainda resta, cuspindo-a for.

 

7) Permanecer com a Cuia apoiada no suporte e novamente tapar o bico da Bomba, daí então despeja-se água quente, começando a Roda.

O primeiro Mate antes de começar a Roda é chamado "Mate de Zonzo", ou "Veneno do Mate". Geralmente o responsável pelo mate sorve o primeiro, cuspindo-o fora, até roncar a Cuia se necessário enche outro até ficar no ponto.
Tudo feito, Erva bem ajeitada na Cuia, a bomba no lugar certo o Mate-Amargo está pronto para ser servido, para começar a Roda de diálogo, de prosa, de namoro ou de concentração mental.

clique para ampliar clique para ampliarch. (Foto: desc.)

Comentários - Deixe seu comentário

por josé luiz de mello pitta - Quarta-feira, 22 de Junho de 2016 - 16:41:33 - Comentar

Sou tomador de mate desde piá. Morei no Paraná quando guri, quando iniciei no chimarrão, e depois de casado. Em minha casa não pode faltar o mate, apesar do preço que por aqui anda na casa de 20,00 pilas.
Um abraço


por BRAZ GOMES DE CARVLHO - Segunda-feira, 02 de Fevereiro de 2015 - 13:39:38 - Comentar

Desejo Reseber nomes de ervas boas.


Deixe seu comentário

Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail