Objetivo 7 - Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente

Garantir a preservação dos 8% restantes de cobertura vegetal do Estado, a recuperação dos corredores de biodiversidade e melhorar a gestão dos mais de 3 milhões de hectares das 364 Unidades de Conservação, públicas e particulares, é fundamental para preservar as riquezas da hidrografia e matas paranaenses para as futuras gerações. Precisamos melhorar o ambiente em que vivemos, dando condições mínimas de habitação e infra-estrutura para os mais de um milhão de moradores que vivem sem acesso a tratamento de esgoto, à coleta de resíduo sólido, à energia elétrica, à água tratada ou com mais de dois moradores por dormitório.

Conheça os projetos paranaenses relacionados a este objetivo

Metas  Indicadores
Integrar os princípios do desenvolvimento sustentável nas políticas e programas nacionais e reverter à perda de recursos ambientais até 2015. Proporção da área de terras cobertas por florestas.
Reduzir à metade, até 2015, a proporção da população sem acesso sustentável à água potável segura. Área de terras protegidas para manter a diversidade biológica.
Até 2020, ter alcançado uma melhora significativa nas vidas de pelo menos 100 milhões de habitantes de bairros degradados. PIB por unidade de dispêndio de energia (como padrão para a eficiência energética).
  Emissões de Dióxido de Carbono (per capita) (Duas outras formas de medir a poluição atmosférica: destruição da Camada de Ozônio e a acumulação de gases causadores do aquecimento global)
  Proporção da população com acesso sustentável a uma fonte de água tratada
  Proporção de pessoas com acesso a saneamento público de qualidade.
   Proporção de pessoas com acesso ao direito de propriedade. (A separação entre urbano e rural de vários dos indicadores acima talvez seja relevante para monitorar o progresso na qualidade de vida dos habitantes das favelas)

Como ajudar

  • Apoiar iniciativas na implementação de práticas ambientais sustentáveis e responsáveis, através da conscientização e disseminação das informações nas escolas, comunidades, empresas;
  • Participar de programas de mobilização coletiva para estímulo à reciclagem e reutilização de materiais;
  • Dar suporte a projetos de pesquisa e formação na área ambiental;
  • Promover concursos internos ou locais que estimulem o debate e a conscientização individual sobre meio ambiente e a importância da colaboração de cada um;
  • Promover concursos internos em locais que estimulem o debate e a conscientização individual sobre o meio ambiente e a importância da colaboração de cada um; promoção de "econegócios" (negócios sustentáveis), que preservam gerando ocupação, renda e melhorando a qualidade de vida das populações.

  • Páginas:  1
  • |
  • 2

Comentários - Deixe seu comentário

por Roberso Froemming - Terça-feira, 05 de Junho de 2012 - 14:14:36 - Comentar

Olá,'sou da empresa K2M Papeis, representamos no Paraná a marca de papel A4 Ecoquality, essa é a primeira marca de papel ecologicamente correto, porem branca e gostaria da Ajuda de vc's para divulgar esse novo conceito de papel, com o minimo de impacto ambiental produzido apartir do bagaço da cana de açucar, materia prima essa que um dia seria queimada, contribuindo assim para permanencia dos eucaliptos, diminuido o efeito estufa.Tenho todo um material de estudo para se intererar do assunto.Siga tambem nos no twiter,face (K2MPapeis) ou (Herois da Natureza) e tambem nos site: www.k2mpapeis.com.br


por Kamylle Pereira Santos Monteiro - Segunda-feira, 09 de Janeiro de 2012 - 17:43:02 - Comentar

Gostaria de pedir patrocinío ou qualquer tipo de ajuda, pois estou fazendo um projeto sobre o tema em quetão.
Meu grupo está selecionando um bairro para fazer a concientização. Mas precisamos de ajuda.
Esse será o nosso trabalho de encerramento do curso que fazemos.
Por favor peço que entrem contato o mas rápido possivel.
Atenciosamente: Kamylle Monteiro.


Respondendo respondendo Kamylle Pereira Santos Monteiro
por Equipe ODM - Terça-feira, 10 de Janeiro de 2012 - 16:10:51 - Comentar

Boa tarde Kamylle, temos no site um link específico de editais para captação de recursos e também informações de como elaborar projetos no link de oficinas de capacitação. Obrigada. Cordialmente,


por JONY HARRI BORNMANN - Sábado, 06 de Agosto de 2011 - 10:37:12 - Comentar

Sou Presidente (recentemente eleito) da NAGUAR-Núcleo Ambiental de Desenvolvimento Sustentável do Litoral do Paraná e temos interesse em uma parceria para desenvolvermos projetos no sentido de atingirmos o objetivo 7-Qualidade de Vida e Respeito ao Meio Ambiente.


por José Claro da Fonseca Neto - Quinta-feira, 19 de Maio de 2011 - 12:34:35 - Comentar

Desde 1997 o Projeto Litoral Nota Cem, vem atuando com diversas Instituiçôes de Ensino, com o objetivo de levar estudantes para o Litoral Paranaense afim de desenvolver atividades como Aula Passeio, Estudo do Ambiente e Oficinas de Biologia Marinha, auxiliando as escolas na realização de trabalhos práticos fora do ambiente escolar. Infelizmente são poucas as escolas públicas que podem participar, por questôes financeiras e organizacionais. Seria interessante tentar buscar parcerias que pudessem dispor a estas instituições participar do Projeto. Gostaria que me enviassem informações sobre eventos relevantes aos assuntos relacionados acima. Desde já agradeço!


por Profº. Batista - Segunda-feira, 09 de Maio de 2011 - 16:43:43 - Comentar

RESUMO DO PROJETO. PROJETO: SOLDADOS JUNIO DO MEIO AMBIENTE É um projeto voltado para a educação ambiental, focando para a cidade de Araguaína-TO, que possui cerca de 160.000 mil habitantes o projeto vai centralizar principalmente o descarte irregular do lixo urbano, e também na preservação da matas ciliares dos córregos e rios que nascem e passa no perímetro da cidade de Araguaína-TO, atreves de aulas práticas e teóricas com professores qualificados graduado e especialista em Gestão e educação Ambiental. Além de disponibilizar todas as matérias pedagógicas e uniformes e carteirinhas de identificação para os alunos e lanches. Ainda é concedida a eles uma bolsa auxilio no valor de R$ 150,00, alunos de 15 a 18 de idade, selecionados de escolas públicas de ensino da cidade. Estes 290 alunos que ao terminar o curso que terá 90 dias sendo 4 horas por dia e um total de 360 horas, com 100% de presença nas aulas práticas e teóricas, obterão todo o conhecimento necessário para se tornar um Soldado Junio do Meio Ambiente, após o termino do curso ele será diplomado e assumira a tarefa de orientar e conscientizar os moradores da cidade, atuando em seu próprio e bairro e bairros vizinhos. Já preparado ele terá como uma das metas orientar os moradores na separação do lixo, para que o material sólido possa ser encaminhado à reciclagem, e atuará em conjunto com professores e a população no reflorestamento de áreas de preservação de APP e APA. O projeto terá validade de um ano e nesse período os soldados serão orientados e acompanhados pelos professores que estão disponíveis para acompanhamento. Os objetivos do projeto é formar turmas de jovens adolescentes em educação ambiental, alunos consciente que ao se formar irá contribuir para manter a cidade à limpa, sem a presença do lixo nas ruas da cidade ou em áreas de APP- Área de Preservação Permanente e APA- Área de Preservação Ambiental, contribuirá com reflorestamento de áreas degradas mediante levantamento de seus professores. O Projeto mostra-se necessário aja vista que ações como esta vai mudar conceito da população e levar conhecimento a toda sociedade. A reciclagem torna-se necessária para diminuir a quantidade de lixo depositada em lixões e/ou aterros; preservar os recursos naturais; economizar energia e matéria-prima; reduzir a poluição dos solos, do ar e das águas; e contribuir para a geração de empregos através de recicladoras e catadores, a viabilidade econômica e ambiental, pois ao mesmo tempo em que gera capital e movimenta a economia local, gera um ganho ambiental considerável: o aumento na vida útil do aterro.


por camila - Segunda-feira, 11 de Abril de 2011 - 11:14:00 - Comentar

quero que todos ajudem o meio ambiente como fala o comentario e que faremos uma corrente de ajuda por que o meio ambiente precisa de nós


por jocilene ap da conceicaõ - Quinta-feira, 17 de Março de 2011 - 18:55:24 - Comentar

Guaratuba, 15 de dezembro de 2010 Projeto Calcada Ecológica Publico Alvo: A Calcada Ecológica tem como alternativa substituir a pedra brita um recurso natural do meio ambiente por plástico reciclável, geralmente encontrado em materiais que para a sociedade já é lixo (computadores, telefones, pára-choques de carros,geladeiras e televisores velhos) Esse material não Tem comercio no mercado brasileiro quando é transformado em sucata. Justificativa: Esse projeto que será realizado em oficinas,tem a finalidade de estimular a consciência ecológica e vindo a se tornar uma nova fonte de renda que beneficiara as famílias das crianças Que participam do projeto. Calcada Ecológica É o material coletado pelo catador"carroceiros e carrinheiros"e depois de separado é transformado em calcadas,tijolos ,blocos,enfeites para jardim ,bancos e mesas e assim substituindo a pedra brita um recurso natural por plástico que por muitas vezes ficam poluindo o meio ambiente e geralmente iram parar em aterros sanitários e assim diminuindo o tempo de vida dos aterros sanitários sem falar no tempo de decomposição do plástico que é de 500 anos ou mais e se queimado solta uma fumaça que prejudica a saúde e o meio ambiente. Objetivo: O maior objetivo do projeto é poder proporcionar a inclusão da em um programa que é sustentável e que inclui toda a sociedade de baixa renda e de área de risco social. E vindo a montar uma oficina de fazer blocos de concreto "calcada ecológica" e passando por um processo de separação e sendo triturado e assim se tornando matéria prima da calcada ecológica .e todos trabalharão em equipe e podendo ganhar por produção. Conclusão 1º O coletor ganhara duas vezes um pelo produto reciclado 2º Pela confecção da calcada ecológica que será uma fonte de renda a mais para sua família. E também terão um acompanhamento de apoio psicológico Etapa final Quem mais irá ganhar será o meio ambiente que vai diminuir o acumulo desse lixo a céu aberto e em aterros sanitários. Gerando a sustentabilidade a varias famílias carentes. Transformando a auto estima dessas pessoas em cidadãos mais capazes,e vindo a contribuir para o desenvolvimento cultural e ambiental . As empresas que apoiar esse projeto não só ganharam como estarão contribuindo com o meio ambiente.dando o destino certo a uma boa parte desse material reciclável. Etapa final: Material necessário para a produção das calcadas ecológicas. 50 formas (50x50) Betoneira pequena Areia Cimento Plástico triturado (produção própria) Plástico triturado abaixo Guaratuba___de_____________de 20__ Responsável:jocilene ap da conceição CNPJ: 12.706.519/0001-79 Nome: INSTITUTO ESPERANCA MIRIM PARANAENSE - IEMP para mas informação acesse donruan.webnode.com.br


Respondendo respondendo jocilene ap da conceicaõ
por Luiz Antunes - Quarta-feira, 23 de Março de 2011 - 16:22:36 - Comentar

Por favor nao faça isso jocilene, um dos problemas de alagamento e mudança no ciclo climatico da terra esta na ipermeabilizaçao do solo atravez das construções, a calçada de plastico invez de ajudar , prejudicaria o meio ambiente.Porem os blocos de concreto e as demais ideias são interessantes.


por elisa liliana benitez - Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011 - 20:03:00 - Comentar

Soy Lic. en Ts. Social. Trabajo en el Sector Reasentamiento de la Represa Binacional Yacyreta. He participado del ultimo encuentro de "Cultivando Agua Boa (8) y realmente me interesa trabajar, capacitarme e intercambiar experiencias con Uds. sobre todo si la capacitación es gratuita (porque como sabran , aqui la situación económica no es favorable. Esperando hacer contacto ne despido. chauuuuuuuuuuuuu


Respondendo respondendo elisa liliana benitez
por Equipe ODM - Terça-feira, 01 de Fevereiro de 2011 - 15:56:25 - Comentar

Estimada Elisa: Agradecemos el contacto y estamos seguros que podremos intercambiar diversas experiencias. Queremos sugerirte conocer un curso que estamos organizando sobre movilización a favor de los Objetivos de Desarrollo del Milenio. Por ahora, sólo está disponible en portugués. Sin embargo, estamos trabajando para que, aún en este semestre, también se pueda hacer en español. El curso es todo a distancia y gratuito. Es una oportunidad para que conozcas y te familiarices con el trabajo y metodología que utilizamos en el estado del Paraná. En cuanto lo tengamos, anunciaremos en la web. Un cordial saludo, Equipo Nosotros Podemos Paraná


por Ana Claudia - Quarta-feira, 15 de Setembro de 2010 - 10:41:06 - Comentar

Gostaria de informações de como participar de projetos ligados ao meio ambiente


por Osny Buzzo - Quarta-feira, 21 de Outubro de 2009 - 14:21:31 - Comentar

Paraná Brasil Música 013 - 09/07/2008    -   Osny Buzzo Paraná da gralha azul a cantar   E sua semente a de semelhar Nestes campos vai brotar As araucárias com lindos pinheirais   Paraná da gralha azul a cantar   Do norte a sul, sou bicho do Paraná De Londrina a Maringá De de Curitiba a Paranaguá Seus grãos a exportar   Paraná da gralha azul a cantar   Sou pé vermelho me orgulho de falar Se têns vergonha de dizer Nossa terra convido a deixar   Paraná da gralha azul a cantar Orgulho dessa nação Que todas as origens Veio abraçar.


Deixe seu comentário





Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail
 
Nós Podemos Paraná - Av. Comendador Franco, 1341 - Jardim Botânico - 80215-090 - Curitiba/PR - Fone: 41 3271-7692