clique para ampliarclique para ampliar (Foto: Fotolia)

Pesquisa preliminar do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) - Censo Agro 2017 -  apontou que o segmento de florestas plantadas e naturais é um dos setores produtivos com maior desenvolvimento no país. Juntas, os dois tipos de florestas somaram aumento de 809% em 2017, se comparar com o mesmo período do ano anterior.

Segundo o estudo, das cinco cidades brasileiras com maior produção de eucalipto plantado, quatro se localizam em Mato Grosso do Sul, nas cidades de Três Lagoas, Ribas do Rio Pardo, Selvíria e Brasilândia. O município de Piraí do Sul (PR) ocupa o 4º lugar.

Em entrevista ao jornal Correio do Estado o presidente da Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas (Reflore/MS), Moacir Reis, afirmou que o desenvolvimento observado na área de florestas plantadas se deve a três fatores: a chegada de novas indústrias no Estado, logística e legislação ambiental. O segmento de florestas atende à demanda de celulose, serraria e carvão vegetal.

Com informações do jornal Correio do Estado.

Leia mais notícias sobre o setor em http://www.fiepr.org.br/boletins-setoriais/2/.