Sindimadeira PG
Sindimad PG
Economia - 02/05/2013

Curso trata de Como contestar o reajuste das tarifas de energia elétrica

Empresários receberam treinamento sobre redução de custos

Representantes do Sindicato da Madeira de Ponta Grossa participaram de um curso que tratou do tema Como contestar o reajuste das tarifas de energia elétrica. Promovido pela coordenadoria regional da Fiep de Ponta Grossa, o evento foi realizado no dia 4 de abril.

Parte do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), o treinamento contou com a participação do presidente do Sindimadeira, Joselito Antônio Przybzlovicz, e de outros membros do sindicato, como Marcilene Przybzlovicz, Rejane Beatriz Paz e Priscila Jaronski, além de representantes da empresa associada Carimbrás.

O curso foi ministrado pelo consultor da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Fábio Sales, que falou com a classe empresarial sobre o custo da energia elétrica e orientou os participantes sobre como reduzir gastos. Para isso, os empresários receberam informações sobre a composição da conta de energia elétrica das indústrias e sobre o impacto de seu custo sobre a competitividade industrial, além de suporte técnico e incentivo nos processos de reajuste e revisão das tarifas de energia elétrica.

Deixe seu comentário

Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail
 

Filie-se

Associe-se