Simadi
Simadi
. - 09/01/2012

Otimismo com trabalho e cautela em 2012

Presidente da Fiep, Edson Campagnolo, aponta as perspectivas da indústria paranaense para 2012

Edson Campagnolo, presidente da Fiep (Foto: Gilson Abreu)

         Otimismo, mas sempre com responsabilidade e muita cautela. É assim que o industrial paranaense está enxergando o cenário econômico para o ano que vem. Não é para menos: apesar da crise internacional e da perspectiva de desaquecimento da economia brasileira, estamos muito bem posicionados. E avançando.

Novos investimentos importantes foram anunciados este ano no Paraná. É o caso da fábrica de processamento de milho da Cargill, em Castro, da ampliação da planta da Renault-Nissan, em São José dos Pinhais e da nova unidade da Caterpillar, em Campo Largo.

Desde 2002 nosso Estado registra a maior expansão industrial do país e já somos o quarto maior empregador brasileiro da indústria. O cenário deve se repetir nos próximos anos. Em 2012 o crescimento industrial paranaense deve ser 4% acima da média nacional.

Mas não é apenas por isso que encerro o ano feliz, confiante e esperançoso. Menos de três meses após tomar posse como presidente da Federação das Indústrias do Paraná, já recebi sinais de que a nossa entidade pode e vai contribuir para o desenvolvimento econômico, social e político do Paraná.

Primeiro pude vivenciar o Paraná receber medalha de ouro na maior competição do mundo em capacitação industrial. O aluno do Senai ficou em primeiro lugar na modalidade de Eletrônica Industrial, em um torneio em que o Brasil perdeu apenas para a Coréia do Sul. E nós, paranaenses, vencemos até a Coréia, em nossa categoria.

Depois, junto com os principais executivos da Fiep, do Sesi, do Senai e do IEL estive percorrendo todas as regiões do Estado, na nossa Caravana de Planejamento Estratégico. De ônibus, deixamos Curitiba e circulamos pelo Sudoeste, Oeste, Noroeste, Norte e pela região dos Campos Gerais.

Escutamos industriais, ouvimos representantes de sindicatos, interagimos com colaboradores do Sistema Fiep de cada cantinho do Estado.

Com tudo o que presenciamos e debatemos, vamos construir o Plano Estratégico da Fiep para os próximos quatro anos. Já adianto que iremos investir muito em Educação, Inovação, Representação Institucional da Indústria e lutar pela melhoria da infraestrutura e logística do Paraná.

Certeza tenho de que muitas batalhas virão pela frente. Precisamos também ampliar nossa atuação e defender as Reformas Política, Tributária, Trabalhista e Previdenciária.

Mas, estou confiante. A união do setor privado com o poder público tem tudo para encontrar ressonância e gerar importantes resultados.

Edson Campagnolo
Presidente da Federação das Indústrias do Paraná

Deixe seu comentário

Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail
 

Filie-se

Associe-se