Blog

Observatórios

Acompanhe nas redes sociais:
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube

Workshops sobre captação de recursos para inovação atraem grande público no Paraná

Publicado em 29/06/2018

Nas três edições anteriores do diagnóstico de inovação da indústria do Paraná, um ponto foi comum quanto a dificuldades para inovar, em todos os setores: falta de acesso e informações sobre captação de recursos. Em resposta a isso, em 2018, o Sistema Fiep promove uma grande rodada de workshops, em todas as regionais do estado, levando informação de qualidade aos industriais.

clique para ampliarclique para ampliarWorkshop realizado em Pato Branco no mês de junho (Foto: Observatórios Sistema FIEP)

A dinâmica do evento é informal e pretende aproximar gestores e principais agentes de crédito (Sistema Fiep, Agência Paraná de Desenvolvimento, BRDE, Fomento Paraná). "O empresário quer esse espaço, isso já ficou claro para nós. Ele quer o diagnóstico de inovação, mas precisa discutir as ideias, os planos. Ele levanta as dificuldades e já dialoga diretamente com o agente de crédito, na hora", revela o líder do projeto no Observatório, Augusto Machado.

Após uma conversa introdutória, os participantes se auto avaliam com apoio de uma ferramenta online. Em seguida, os agentes de crédito fazem uma introdução sobre as principais linhas de fomento, abrindo espaço para um posterior bate papo, no coletivo ou mesmo caso a caso.

Nas três edições anteriores do diagnóstico de inovação da indústria do Paraná, um ponto foi comum quanto a dificuldades para inovar, em todos os setores: falta de acesso e informações sobre captação de recursos. Em resposta a isso, em 2018, o Sistema Fiep promove uma grande rodada de workshops, em todas as regionais do estado, levando informação de qualidade aos industriais.

A dinâmica do evento é informal e pretende aproximar gestores e principais agentes de crédito (Sistema Fiep, Agência Paraná de Desenvolvimento, BRDE, Fomento Paraná). "O empresário quer esse espaço, isso já ficou claro para nós. Ele quer o diagnóstico de inovação, mas precisa discutir as ideias, os planos. Ele levanta as dificuldades e já dialoga diretamente com o agente de crédito, na hora", revela o líder do projeto no Observatório, Augusto Machado.

Após uma conversa introdutória, os participantes se auto avaliam com apoio de uma ferramenta online. Em seguida, os agentes de crédito fazem uma introdução sobre as principais linhas de fomento, abrindo espaço para um posterior bate papo, no coletivo ou mesmo caso a caso.

clique para ampliarclique para ampliarWorkshop realizado em Londrina no mês de maio (Foto: Observatórios Sistema FIEP)

Balanço do primeiro semestre e ações futura


Entre março e junho já foram realizados 22 encontros, contando com cerca de 400 participantes. As cidades que já receberam o evento foram: Ampére, Apucarana, Arapongas, Araucária, Bandeirantes, Campo Largo, Cascavel, Curitiba CIC, Dois Vizinhos, Francisco Beltrão, Guarapuava, Irati, Londrina, Maringá, Palmas, Palotina, Pato Branco, Ponta Grossa, Santo Antônio da Platina, São José dos Pinhais, Terra Roxa, Toledo

Para o segundo semestre estão previstos workshops na região noroeste, terminado de cobrir todo o estado. Ações setoriais ou mais direcionadas também devem ocorrer, como é o caso do setor de energia.


Benefícios se estendem aos não participantes

A Bússola da Inovação não se limita apenas àqueles que frequentaram os workshops de captação de recursos. Qualquer indústria do estado pode participar e receber o diagnóstico de imediato, sem qualquer custo. Basta acessar o link e clicar em participe:http://bussoladainovacao.org.br

Fonte: Observatório Sistema Fiep

Av. Comendador Franco, 1341 - Jardim Botânico - 80215-090
Fone: 41 3271 7900
Fax: 41 3271 7647
observatorios@fiepr.org.br
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube