Objetivo 2 - Educação básica de qualidade para todos

O Paraná oferece praticamente acesso universal ao ensino fundamental; mesmo assim, 4,5% das crianças de 7 a 14 anos estão fora do sistema educacional. No ensino médio, a situação é mais grave. Devido à evasão e à defasagem, a taxa líquida de matrícula é pouco mais de 50%. Além da permanência na escola de crianças e jovens, outro fator de preocupação é a qualidade do ensino fundamental, uma vez que quase a metade dos alunos da 8.ª série obteve avaliação crítica ou muito crítica em matemática.

Conheça os projetos paranaenses relacionados a esse objetivo.

Metas  Indicadores
Garantir que, até 2015, todas as crianças, de ambos os sexos, terminem o ciclo completo de ensino básico. Taxa líquida de matrícula no ensino primário.
  Proporção de alunos que iniciam o 1º e atingem o 5º ano.
  Taxa de alfabetização na faixa etária de 15 a 24 anos.

Como ajudar

  • Apoiar programas de criação de oportunidades e estímulo no acesso ao ensino fundamental;
  • Desenvolver ações de prevenção e erradicação do trabalho infantil;
  • Melhorar os equipamentos das escolas básicas e fornecer de material didático e de leitura;
  • Apoiar programas de formação de professores de escolas públicas;
  • Organizar concursos de redação e oficinas de leitura para compreensão de textos em escolas;
  • Construir e manter bibliotecas, videotecas ou brinquedotecas na comunidade, escolas ou organizações sociais. Organizar campanhas de arrecadação de livros, vídeos e revistas;
  • Implantar projetos educacionais complementares, com envolvimento familiar, visando estimular a permanência do aluno na escola;
  • Ajudar a identificar alguns dos desafios socioeconômicos que afetam as matrículas no ensino primário e apoiar as comunidades a lidarem com estes desafios. 

  • Páginas:  1
  • |
  • 2

Comentários - Deixe seu comentário

por amanda - Quinta-feira, 04 de Outubro de 2012 - 10:03:07 - Comentar

como eu fasso para fazer um teatro sobre a educaçao basica de qualidade para todos.??????????


por Yasmin - Quinta-feira, 16 de Agosto de 2012 - 17:29:19 - Comentar

queria saber como poderia montar uma exposição para esse tema: educação basica e de qualidades para todos


Respondendo respondendo Yasmin
por Equipe ODM - Segunda-feira, 20 de Agosto de 2012 - 08:37:46 - Comentar

Bom dia Yasmin. Você pode propor que a exposição seja realizada em uma escola e que os alunos trabalhem este tema em sala de aula. A exposição pode ser de cartazes dos alunos sobre como eles veem a educação hoje ou o que é necessário para melhorar a educação na sua cidade, estado, país.


por laureni vicente - Segunda-feira, 01 de Agosto de 2011 - 11:51:37 - Comentar

como representante contribuimos em nossa comunidade e estamos envestindo na biblioteca comunitaria e a alfabetização de jovens e adultos e reforso escolar essas atividades são realizadas na sede da associação de moradores rua pinheiro nº 270 arvoredo II Araucária contato 91879085 laureni


por ROSANGELA MARIA - Quarta-feira, 06 de Julho de 2011 - 19:33:34 - Comentar

OLA, SOU EDUCADORA BRIMNQUEDISTA E GOSTARIA DE COLABORAR. AGUARDO RESPOSTA OBRIGADA


por ana karolina santiago de sales - Terça-feira, 21 de Junho de 2011 - 17:47:51 - Comentar

to participando desta oficina no colegio sesi muito legal e estou focada no 2°objetivo do milenio ....hushushuahusahuas


por ana karolina santiago de sales - Terça-feira, 21 de Junho de 2011 - 17:47:46 - Comentar

to participando desta oficina no colegio sesi muito legal e estou focada no 2°objetivo do milenio ....hushushuahusahuas


por beatriz/lindaaa - Sexta-feira, 11 de Fevereiro de 2011 - 14:11:21 - Comentar

oi!! eu fiz um trabalho com os textos dese site!! e eu axxo que vo tira dez! ainda bem que ese site existe!


por Clovis Antonio Rutkauskis - Terça-feira, 31 de Agosto de 2010 - 15:46:22 - Comentar

Observando alguns comentários,que podem servir para ajudar a implantar com maior sucesso Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, percebo que, questões como educação, são de fundamental importância. O Estado do Paraná esta de parabéns por esta iniciativa, porém, em se tratando de educação, e muito ampla a discussão, no sentido de profissionais que atuam na área estarem comprometidos. Governo do Requião foi um Governo que valorizou e incentivou muito a educação, tanto na formação de profissionais (Ex. PDE) como na remuneração dos mesmos. Outra questão que gostaria de focar, é com relação a programas sociais. Os Municípios, estão perdendo oportunidades importantes no sentido de trabalhar a profissionalização dos pais que recebem auxilio temporário dos programas sociais. E isso, entendo que os municípios teriam que fazer como contra partida, e não esperar que o Governo Estadual e Federal resolvam, pois é uma realidade local, que pode ser mudada desde que haja vontade politica de cada Município. Percebe-se muito mau uso deses recursos por parte de quem os recebe. Digo que as famílias precisam resgatar a auto estima, e entender que, é mais interessante ganhar um salario minimo, ao invés de receber somente cento e vinte reais, a título de ajuda temporária. Porem algumas famílias não querem evoluir enquanto renda familiar, para não perder o auxilio. Fica o questionamento. È melhor receber ajuda ou caminhar com as próprias pernas? Pois é! Não é o que se percebe. Educação é muito amplo, não é apenas encaminhar os filhos para a escola. Existe uma realidade muito triste dentro das escolas, a indisciplina e muito grande, porém em algumas situações, a criança e fruto de famílias desestruturadas. Podemos chegar a uma conclusão trágica, o problema não são os filhos e sim os pais, que não impõem limites. Chegamos então, a seguinte conclusão, os pais precisam ser reeducados com urgência.


por sandro costa - Quinta-feira, 29 de Julho de 2010 - 15:48:21 - Comentar

Olá,eu moro em Maringá estava cursando as ultimas matérias do ensino fundamental,trabalho aqui e gostaria de saber como faço para terminar as quatro ultimas matérias que me faltam para dar continuidade no meu estudo.


por Edmilson Gefuni - Terça-feira, 13 de Julho de 2010 - 19:51:19 - Comentar

No Estado do Paraná os recursos são disponibilizados à Educaçao de forma bastante interessante. Existe uma grande preocupação em dotar os estabelecimentos de recursos físicos e pedagógicos e também de capacitar os docentes. Vejo como grande problema a dificuldade que temos para encantar e seduzir o novo aluno, porque aquele aluno naturamente interessado não existe mais. Penso que é o momento para se discutir esta questão.


Deixe seu comentário





Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail
 
Nós Podemos Paraná - Av. Comendador Franco, 1341 - Jardim Botânico - 80215-090 - Curitiba/PR - Fone: 41 3271-7692