06/04/2006

Círculo Paranaense

Apucarana conhece o projeto dos 8 Jeitos de Mudar o Mundo

Apucarana conhece o projeto dos 8 Jeitos de Mudar o Mundo


Lideranças políticas, empresariais e a comunidade de Florestópolis e São Pedro do Ivaí, região de Guarapuava, vão conhecer nesta sexta-feira (07) o projeto Círculo Paranaense dos 8 Jeitos de Mudar o Mundo.
O evento é uma prévia da campanha "Nós Podemos Paraná", que abrangerá todas as regiões do Estado, e tem o objetivo de mobilizar os participantes para o encontro, marcado para dia 1º de junho em Apucarana.

Promovido pelo Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial (CPCE), órgão consultivo do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), com o apoio do Sistema Fiep e do Observatório Regional Base de Indicadores de Sustentabilidade (Orbis), o projeto visa sensibilizar lideranças e a sociedade com o objetivo de articular ações que possibilitem ao Paraná cumprir os Objetivos da ONU até 2010, antes do prazo estabelecido que vai até 2015.

"Queremos tornar o Paraná a referência no Brasil. Nosso Estado, em comparação com Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo, tem um dos piores indicadores de sustentabilidade. Por isso, se não nos mobilizarmos, não conseguiremos alcançar muitos Objetivos", afirma a coordenadora do projeto, Maria Aparecida Zago.
Serão 16 encontros, em 10 regiões estratégicas do Estado, chamados de Círculos de Diálogo. Nestas reuniões serão propostas ações que contribuam para a concretização dos Objetivos e serão constituídos os Círculos Locais de Trabalho, formados pelas lideranças locais, que terão a missão de transformar as propostas em ações.

Na primeira quinzena de março, representantes do Sistema Fiep já tinham estado em Apucarana para apresentar o projeto ao prefeito de Apucarana, Valter Pegorer, e ao diretor da ONG Mude o Mundo, André Pegorer. "A cada dia aumenta a consciência dos empresários, que reconhecem a necessidade de implementar a responsabilidade social em seus negócios e, no papel de motivador, o Poder Público deve dar exemplo. Os governos Federal, Estadual e Municipal têm em mãos um trunfo, que é o poder de compra. Imagine se todos os processos de licitação ou contratação pública exigissem a comprovação de desenvolvimento de ações sociais? Com certeza o Brasil melhoraria muito", destaca Pegorer.

Deixe seu comentário





Site Seu blog ou página pessoal


1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
2. São um espaço para troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza. e
5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.

 Aceito receber comunicação da Fiep e seus parceiros por e-mail
 
Nós Podemos Paraná - Av. Comendador Franco, 1341 - Jardim Botânico - 80215-090 - Curitiba/PR - Fone: 41 3271-7692