SINDIVEST

Sindicato das Indústrias do Vestuário de Curitiba

Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




Segundo semestre deve ser de recuperação, afirma presidente do Sindivest Paraná

Letícia Birolli Ferreira avalia que a busca das empresas do setor por se reinventar está trazendo resultados positivos

clique para ampliarLetícia Birolli Ferreira, presidente do Sindivest Paraná. (Foto: Agência Fiep)

A presidente do Sindivest Paraná, Letícia Birolli Ferreira, avalia que 2017 será ainda um ano difícil para o setor de vestuário, mas o segundo semestre já deve demonstrar o reaquecimento do mercado.

Ela afirma que, no ano passado, apesar de as empresas enfrentarem um momento difícil, também foi uma época de descoberta para várias companhias. “Foi um ano difícil no nosso setor como em todos os outros, muitas indústrias fecharam, mas muitas também abriram. É possível perceber que as empresas estão buscando se reinventar. E o sindicato tem um grande papel em ajudar essas indústrias, oferecendo condições para que elas cresçam”, explicou.

De acordo com a presidente, entre as estratégias aplicadas para superar a crise estão a busca por mercados externos, a inovação nos processos produtivos, o desenvolvimento de novos produtos e a atuação em nichos de mercado. Ela também acredita que é preciso equilibrar os custos, mas sem deixar de lado investimentos essenciais. “É o momento de pensar bastante em marketing, que é um setor que é cortado nas crises, uma estratégia que na minha opinião não é a mais acertada. Acredito que é justo nesses momentos nos quais é preciso investir em marketing e inovação. A indústria precisa descobrir aquilo em que ela é realmente boa e investir nisto para se fortalecer no mercado”, alerta.

A industrial também comemora o crescimento do sindicato “O ano de 2016 foi de novos associados, novos eventos no Sindivest Paraná e um ano de muito trabalho. Muitas empresas nos procuraram e nós trabalhamos, pesquisamos e corremos atrás para oferecer as informações e serviços necessários. Esperamos que, cada vez mais, as indústrias estejam próximas do sindicato para que possamos crescer juntos.”

Cumprimento da NR-10 protege trabalhadores diretos e indiretosVote Bem, da Fiep, concorre ao prêmio Boas Práticas Eleitorais do TRE