SINDIMADMOV

Sindicato das Indústrias Madeireiras e Moveleiras do Sudoeste do Paraná

Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




Sindimadmov promove treinamento para operadores de furadeira

Módulo faz parte do Programa de Aperfeiçoamento e Qualificação Industrial, que vai trazer muitos outros cursos

clique para ampliar clique para ampliarPresidente do Sindimadmov, Nadir Terezinha de Marchi, falou na abertura do curso (Foto: Divulgação)

O Sindimadmov está promovendo uma capacitação para operadores de furadeira, que iniciou no dia 20 de maio e está agendada para encerrar no dia 4 de julho. Esta é o primeiro módulo de um Programa de Aperfeiçoamento e Qualificação Industrial, desenvolvido por setores específicos dentro da indústria, em parceria com o Arranjo Produtivo Local (APL) de Móveis do Sudoeste.

O foco em cada etapa é sempre uma atividade específica relacionada ao tema. O objetivo é identificar, assessorar e aperfeiçoar técnicas de operação de máquinas, manuseio e de gestão, por meio da contribuição dos colaboradores participantes do curso. Com a capacitação, o Sindimadmov espera resolver a questão da falta de mão de obra qualificada com a crescente evolução dos setores industriais do Sudoeste.

Os participantes irão encerrar o programa com indicações de soluções para os problemas apontados e com orientação pontual sobre as dúvidas e problemas enfrentados em seu dia-a-dia. A metodologia foi desenvolvida pelo Senai de Arapongas.

O módulo de operador de furadeira conta com uma carga horária total de 42 horas e turmas formadas por no máximo 30 alunos. O valor para associados é de R$ 230,00 e R$ 350,00 para não sócios. As aulas estão sendo realizadas no Senai de Ampére e in company, das 19h às 22h. Mais informações sobre este e outros cursos ofertados pelo Sindimadmov podem ser obtidas pelo telefone (46) 3523-6507.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os seguintes erros foram encontrados:








    1. Os sites do Sistema Fiep incentivam a prática do debate responsável. São abertos a todo tipo de opinião. Mas não aceitam ofensas. Serão deletados comentários contendo insulto, difamação ou manifestações de ódio e preconceito;
    2. São um espaço para troca de ideias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua. Não serão tolerados ataques pessoais, ameaças, exposição da privacidade alheia, perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento;
    3. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado; informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos;
    4. Defendemos discussões transparentes, mas os sites do Sistema Fiep não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
    5. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de ideias.
    Sindimadmov busca novos serviços para os associadosSindicato prepara Central de Negócios